Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Pensador

Pensador

Óscares 2012

2016-06-02-10-49-07.jpg

Olá a todos!
 
E para ser original venho falar-vos dos Óscares! Aposto que  ninguém hoje fala disto, até porque vos trago o relato da cerimónia de 2012!
Espero que esteja do vosso agrado, e se não estiver, não desesperem. Ainda tenho muita estupidez para verbalizar. 
 
Antes de mais gostaria de mostrar a minha admiração por um boneco tão viril, ainda que se vista sempre de dourado. Depois gostaria de dizer que reparei que a passadeira vermelha não era nova. Acho que foi a usada na festa do Avante do ano passado. Já agora, e porque acho que a passadeira podia ser mais animada até porque é vermelha, podiam soltar ali um toiro... Ou o Dioguinho! Já se metessem a Fanny, vestida pela Autoeuropa, não ia caber ali muito mais gente. No entanto e caso ela fosse convidada, não seria certamente para os Óscares, mas para uma versão portuguesa chamada... Hmmm... Sei lá... Os Manéis por exemplo! E a passadeira havia de ser mais vermelha ainda, por culpa das nódoas de vinho.
Acho também curioso a cerimónia ser no Teatro Kodak, uma marca infelizmente falida, mas assim se vê como vai o Mundo económico. Falando das estrelas que desfilaram pela passadeira, o Brad Pitt ia tão apresentável que me pareceu ouvir a voz histérica do Goucha nos estúdios da TVI. O que ele disse não posso reproduzir, mas pelo que sei terá rebentado vários plasmas com as costas, para os lados de Queluz de Baixo. Já a Angelina Jolie, de tão elegante que está, faz parecer obeso qualquer etíope! Pareceu-me inclusivamente, ouvir assobiar, de cada vez que o Brad respirava para cima dela. A Sandra Bullock, de tão simples que ia vestida, parecia que ia para uma reunião da Oriflame.
Gostei bastante de ouvir a senhora que fez a crítica de moda. Fez-me lembrar o Cláudio Ramos, mas muito mais masculina! Brian Grazer, o produtor desta cerimónia única, a avaliar pelo penteado, seria um dos vizinhos da nossa Sónia Brazão, quando ela decidiu ajudá-los a mudar de casa. 
Bem... E isto é o fundamental da cerimónia, já que os filmes em si pouco interessam... E até porque não houve nenhuma surpresa. 
Mais uma vez se comprova que Portugal é um país tecnologicamente vanguardista! Andamos nós preocupados com a TDT, e o filme que mais galardoado é mudo e a preto e branco!
Enfim... Modas vanguardistas apenas para poupar tostões.
 
Bem hajam!

Revolta dos Bichos da Seda

2016-03-01-15-41-50.jpg

Olá a todos!
 
Há uns anos atrás vi, um filme que me fez pensar numa coisa de que nunca vocês se terão lembrado. Falo do filme "Starship Troopers" que me abriu perspectivas a um raciocínio bastante pertinente... 
Haverá o perigo dos insectos se tornarem gigantes ao ponto de nos quererem exterminar, e quererem dominar o nosso planeta? Existe sim! É um perigo real e nós nunca conseguiremos combater isso. No máximo podemos convencer o Fernando Mendes que é comida asiática, e ele irá abocanhar meia dúzia de gafanhotos de meia tonelada. Mas seria insuficiente. 
No filme "Marte Ataca", os humanos conseguiram exterminar os ET´s com uma música do Tom Jones, mas com insectos dos que temos cá, nem a Ana Malhoa nos safava... E o mais perigoso de tudo, é que nós de tão inocentes que somos, ainda damos abrigo, e usamos muitos destes bichos como animais de estimação! 
Reparem nos bichos da seda... Tão fofinhos que eles são, que até os alimentamos com as folhinhas que vamos buscar à rua, correndo o risco de subir uma árvore e cair logo de cabeça, poupando o trabalho de extermínio.  Devo dizer que os humanos são dotados de inteligência, mas ainda temos de ir buscar "papinha" a estes vermes... Afinal quem é que é inteligente e dominante? Pois é, e nunca ninguém viu este perigo. Podemos ter em uma ou duas caixas de sapatos, um exército em miniatura de bichos, até divididos em categorias militares, visto que estes bichos acabam por ganhar asas, e temos pela frente uma batalha maior do que qualquer filme algum dia nos mostrou. Para quem nos filmes, está habituado a ver o Bruce Willis salvar o mundo, relembro que furar um asteróide é simples e banal, quando comparado com debelar um enxame de libelinhas gigantes desvairadas. 
 
Bem hajam e sejam amigos do ambiente... "Esborrachem" os insectos!